26.8.05

A diferença

"Enquanto Rio for presidente e tutelar directa ou indirectamente a área do Urbanismo, não haverá vigarices".
Paulo Morais, vice-presidente da Câmara Municipal do Porto, in Visão, 25-08-2005

6 comentários:

Ricardo disse...

Viva,

Não percebi se colocaste esta citação porque orgulhas-te dela ou porque é surrealista neste particular contexto!

Quem afastou Paulo Morais? Os empreiteiros ou o PSD? Se Paulo Morais era a garantia de que não haveriam pressões que interferissem no trabalho da Câmara porque será que o PSD obrigou Rui Rio a renunciar do seu trabalho? E porque é que Rio aceitou?

Isto cheira muito mal e parece-me que sem o Valentim no PSD deve andar mais complicado captar receitas para o partido...

Não quero especular mais mas que Rio está cada vez mais parecido a quem criticou no passado isso é inegável!

Abraço,

Fernando Bravo disse...

ricardo, coloquei porque concordo. Discordo é que Rui Rio esteja parecido com quem criticou no passado. Não podias andar mais longe da verdade. Aliás, do que sei, os motivos do afastamento de Paulo Morais não são os que toda a gente pensa. Mas isso são outras guerras... Literalmente.

Rita disse...

QUAIS?! Acredito que TODOS temos direito à verdade!
(Em democracia somos todos iguais ou não?)

Fernando Bravo disse...

rita, este nunca seria o local próprio...

Fernando Bravo disse...

rita, este nunca seria o local próprio...

Anónimo disse...

O Paulo Morais foi afastado por pura incompetência e porque era uma das personagens que mais anticorpos políticos tinha.

Alter Ego